07/12/2003

Banheiro de Estrada

No meio de uma longa viagem o cara ficou com uma prostituta vontade de fazer cocô. (Viu como estou educado hoje?)
Sem opção diante dos coliformes fecais que ameaçavam deixar o seu intestino e melecar toda sua roupa (OK, agora já foi exagero) ele parou no primeira espelunca que viu, um posto de gasolina bem vagabundo mesmo.
Depois de finalmente soltar o barro foi que ele percebeu que não tinha papel higiênico no lugar. Mas, ao lado dele, tinha um aviso:

"Limpe-se com o dedo e depois coloque o dedo no limpador automático"
— Nossa, que tecnologia! — pensou ele, abismado.
Então o cara não pensou duas vezes e se limpou com o dedo. Não conseguindo conter a curiosidade, colocou o dedo dentro do limpador automático.

Aí veio a surpresa!

Dentro do buraquinho tinha uma agulha. Assim que espetou o dedo, ele fez o que qualquer um faria no seu lugar: enfiou o dedo na boca!

Denunciar Abuso

Compartilhar

no facebook

Comentários