Assine o Orapois

Cadastre-se no OraPois e receba nosso conteúdo diretamente no seu e-mail!


Mais Recentes

vídeos

Mais Destaques

Um cacador foi pro Alaska cacar ursos. Depois de varios dias, ele conseguiu avistar e abater um urso grande. Assim que ele acertou o tiro, ele sentiu um tapinha nas costas. Virou-se e viu um urso maior ainda, que chacoalhava a cabeca em sinal de desaprovacao. "Você nao deveria ter feito isso", disse o urso. "Você matou um dos meus semelhantes. Agora você vai ter que pagar, mas pode escolher : você quer morrer ou quer dar pra mim?" O cacador, depois de pensar muito, decidiu que a morte seria radical demais, e abaixou as calcas e virou-se de quatro pro urso.
Durante um ano, o cacador jurou vinganca ao urso que o havia violentado. Na estacao de caca seguinte, ele voltou ao Alaska e ficou procurando-o. Depois de varios dias, ele finalmente o encontrou e o matou. Logo depois, ele sentiu outro tapinha nas costas. Virou e viu um urso gigante, que disse novamente as temidas palavras: "Você nao deveria ter feito isso. Você vai ter que pagar. Quer morrer agora ou quer dar pra mim?" O cacador não podia acreditar, mas mais uma vez decidiu continuar vivendo, e abaixou as calcas.
Depois de mais um ano jurando vinganca eterna a todos os ursos, o cacador voltou ao Alaska, procurando o urso do ano anterior. Assim que ele o encontrou, atirou e o matou, ele sentiu mais um tapinha nas costas. Quando ele se voltou, viu o maior e mais assustador urso que ja tinha visto na vida inteira, quatro metros de altura, peludo, dentes enormes. A fera olhou para o cacador e, piscando um olho, perguntou: "Fala a verdade pra mim: você não vem aqui pra cacar, ne?

Comentários ()

7
6

Não faz muito tempo, Papai Noel estava pronto para zarpar em sua viagem anual, mas tinha alguns problemas; quatro dos seus melhores duendes estavam doentes e os duendes estagiários, que estavam lá para substituí-los, estavam a consumir a força de trabalho de mais 4 duendes experientes, fazendo com que o horário ficasse apertado e estressando Papai Noel.

Como se não bastasse, a Mamãe Noel disse ao Papai Noel que a Sogra Noel iria vir para o Natal... (mais estresse).

Um duende veio do estábulo e constatou que duas renas estavam prestes a dar a luz, e outras duas fugiram pela cerca quebrada.... com isso mais estresse no pobre velhinho.

Quando ele começou a encher o trenó com os sacos de brinquedos, um saco enroscou na ponta do trenó, rasgando-o e espalhando brinquedo para tudo quanto é lado...

Frustrado, Papai foi para sua casa para tomar uma xícara de café, com uma dose de Whisky. Ao chegar a adega, ele viu que não havia nenhum tipo de bebida (os duendes haviam bebido tudo) e, em seu desânimo, deixou que a xícara de café caísse, derrubando o café em sua roupa e espalhando milhões de cacos de vidro no chão... Subiu, trocou de roupa e, para não fugir do dia, ele pegou a roupa que Mamãe Noel havia esquecido de cerzir... Chegou na cozinha e foi pegar a vassoura para limpar a bagunça... não havia vassoura, só um rodo...
limpou a sujeira com o rodo.

A ponto de explodir de raiva, a campainha da porta toca.... Se arrastando, o puto velhinho, abriu a porta e, em frente dele estava um pequeno anjo com uma grande árvore de natal...

O anjo perguntou: "Onde eu coloco esta árvore, Papai Noel?" Foi assim que o anjo se tornou enfeite do topo da Árvore de Natal.

Comentários ()

5
13